Volta à relação de Autores

Antonio Possidonio Sampaio 

  
 Antonio Possidonio Sampaio 

Antonio Possidonio Sampaio
(29.10.31 - 3.6.16)

 

 

Baiano de Morro Preto, que até

1958 pertencia ao município de Santa Teresinha, quando passou a pertencer a Iaçu, nasceu a 29 de outubro de 1931. Em 1949 mudou-se para São Paulo, onde se formou em Direito pela USP. A partir de 1965, começou a advogar na região do ABC. Em 1989 passou a morar em Santo André, depois de viver 40 anos em São Paulo. Desde a época de estudante, participou de atividades culturais, exercendo o jornalismo profissional até o término do curso de Direito.

Como ficcionista, dedica-se ao romance e à crônica. Sua estréia literária aconteceu em 1970 com A Arte da Paquera, crônica. Em 1976 ganhou o primeiro lugar na categoria romance do I Concurso Escrita de Literatura, com o livro Sim Sinhor, Inhor Sim, Pois Não ...

Publicou as seguintes obras além das já mencionadas:

Galeria da Solidão

Vendedores de Ilusão
Vamos Empinar Papagaio
A Capital do Automóvel
(Na Voz dos Operários)
Lula e a Greve dos Peões
Em Manhattan do Terceiro Mundo
ABC Cotidiano (cotidiário) Andanças na Contramão
Em Busca dos Companheiros
ABC No Fim do Milênio

No ABC dos Peões

( edição conjunta de A Capital do Automóvel e Lula e a Greve dos Peões) 

Andanças com Salvador Bahia

(edição conjunta de Na Virada do Milênio , Andanças na contramão e Viagem Interrompida).

 

 


 

 

SIM SINHOR, INHOR SIM, 
POIS NÃO...

Alpharrabio Edições
12 x 21 cm, 84 pp.(romance)

"Sobriedade, um tom livre e irônico, toque de viva tipicidade brasileira, uma visão descarnada de nossa atualidade, principalmente na faixa urbana, e um poder de condução de situações que indicam claramente a presença firme de um escritor que faz de seu instrumento um elemento de denúncia, contestação e alerta." (João Antônio, na orelha do livro).


EM BUSCA DOS COMPANHEIROS

  Alpharrabio Edições
14 x 21 cm, 184 pp.(romance)

"As greves que agitaram o ABC no fim da década de 70 repercutiram em todo o Brasil e exterior (...) Vinte anos depois, Antonio Possidonio Sampaio propõe-se a resgatar a memória desses acontecimentos e personagens que participaram do movimento (...) que só agora voltam a aparecer, esclarecendo, com detalhes, o que se passava no ABC há 20 anos." (O Estado de S. Paulo, 27.02.00)

 


 

 

EM MANHATTAN
 DO TERCEIRO MUNDO

14 x 21 cm, 147 pp.
(romance)
Distribuição ALPHARRABIO

"Neste romance, Antonio Possidonio Sampaio mescla ficção e realidade, reportando-se aos acontecimentos que marcaram São Paulo da década de 80, quando a longa ditadura chegava ao fim, até os dias de hoje, passando pelo movimento das Diretas-já. Um livro oportuno, cuja leitura contribuirá para entender os estragos da ditadura, bem como as artimanhas das elites para manter seus privilégios."


 

 

ANDANÇAS COM SALVADOR BAHIA

 

Em três textos falando de suas andanças por várias cidades brasileiras, como Santo André, São Paulo, Salvador e localidades do interior da Bahia, Antonio Possidonio Sampaio relata em forma de diário e crônica seu relacionamento com o personagem Salvador Bahia, que tem cruzado diversas obras do escritor, como o elo que, ao unir autor e personagem, confunde os limites entre ficção e realidade.

Andanças com Salvador Bahia reúne três momentos do rico relacionamento entre autor e personagem: Na Virada do Milênio (inédito), Andanças na contramão (1996) e Viagem interrompida (2005). Neles, autor e personagem se misturam: um escreve com a mão do outro, que, por sua vez, fala com a voz daquele.

Andanças com Salvador Bahia

Antonio Possidonio Sampaio

Projeto gráfico : Fabricando Idéias

Desenhos : Guedo Gallet

Alpharrabio edições

14x21cm, 128 pp., R$ 20,00


NO ABC DOS PEÕES

edição conjunta e 

revista dos livros

A Capital do Automóvel

Lula e a Greve dos Peões

Alpharrabio Edições
  (16 x 23 cm, 320 pp.)

Agora num só volume, a leitura conjunta destes livros de Antonio Possidonio Sampaio faz recordar aquela "tensão ética" que Alfredo Bosi apontou para justificar a presença de Os Sertões para "além de documento do seu tempo", sem a qual seu interesse, ao menos para a literatura, se esfacelaria. Bom augúrio para Possidonio, mais preocupado em ler o verso e a entrelinha dos documentos, e talvez por isso prosador cujas intuições o tempo tem confirmado, já que, suplantando qualquer datação, costurou minuciosamente seus livros com aquela tensão e, mais, com espírito livre.

Tarso de Melo


Coleção Imaginário
ABC no fim do Milênio

Alpharrabio Edições
  (16 x 23 cm, 224 pp.)

"O imaginário do Grande ABC durante 1999 registrado e refletido por mais de uma dezena de ângulos: este é o resultado do projeto de diarização do último ano antes do tão esperado 2000, a que se dedicaram, de início, 20 agentes culturais do Grande ABC, entre escritores, jornalistas e outros, dos quais 8 concluíram integralmente a tarefa e 5, em parte.

A idéia inicial surgiu a partir da empreitada de Antonio Possidonio Sampaio, em 1992, quando se comprometeu, talvez apenas consigo mesmo, a registrar diariamente os acontecimentos culturais, políticos e de seu cotidiano na Região, do que resultou o livro ABC Cotidiano - Cotidiário, lançado no ano seguinte, cuja intenção serviu de modelo para o trabalho desenvolvido durante 1999 por outros autores.

À Alpharrabio Edições – nascida, justamente, com a publicação de ABC Cotidiano, e desde sempre comprometida a dar à luz o que de melhor produzem os escritores da Região – não poderia ocorrer motivo de maior empolgação do que ter à sua disposição um ABC retratado caleidoscopicamente em diários ficcionais, jornalísticos, memorialísticos, críticos, poéticos e tudo o mais que a comprovada e atenta criatividade desses diaristas alcançou no dia-a-dia das cidades em que vivemos."


ABC COTIDIANO:
 COTIDIÁRIO

 
Alpharrabio Edições
14 x 21 cm, 232 pp. (diário)

"Além das miudezas afetivas do cotidiano, este livro focaliza também acontecimentos que marcaram 92, como o processo de impeachment de um presidente da República e a volta do povo às ruas (...) Este livro marca uma nova fase literária do escritor. É também uma declaração de amor a Santo André, que o autor elegeu como sua morada definitiva."

 

 

 


 

ABCDMaior

 

CliqueABC

 

DGABC 1

 

USCS

 

Como Comprar

Índice | Livraria Editora Biografias | Atividades Culturais