Volta ao índice inicial

 

AGOSTO / 2005

 

 

3 de agosto - (quarta-feira) das 15 às 17,30h

10, 17, 24 e 31 de agosto

CINECLUBE

 

Atividade do Cineclube Alpharrabio – Cinéfilos, coordenados pelo prof. Edmundo Epifanio, conversam sobre os mais variados aspectos do cinema. O grupo está em formação e aceita participação de interessados.

 

quarta-feira, 3 de agosto de 2005 

Tema –  Ecologia
 Filmes - O Cavaleiro Elétrico

 
quarta-feira, 10 de agosto  de 2005


Tema –  Shakespeare
 Filmes - Ran
            Amor Sublime Amor 

 
quarta-feira, 17 de agosto de 2005


Tema –  Hollywood
 Filmes – Crepúsculo dos Deuses
            Nasce uma Estrela  

 

http://edepdiaz.blog.uol.com.br

Volta ao topo

12 de agosto - sexta - 15h

(curso de redação)

19 e 26 de agosto

16, 23 e 30 de setembro

 

 

"Tecer para além do vestibular"

 

O que é:

"Tecer para além do vestibular" é um curso de redação voltado àqueles que pretendem conhecer um pouco mais dos mecanismos lingüísticos que dão a uma produção escrita a qualidade de ‘texto’.

É um curso teórico e prático. A discussão das teorias modernas sobre a concepção de ‘texto’ se dará em conjunto com a produção escrita.

 

 

O que propõe:

O curso propõe uma investigação dos fatores de textualidade: coesão, clareza, coerência, progressão temática, intertextualidade, as partes de um texto e sua articulação etc. Por meio de exemplos, exercícios e a prática da produção escrita, pretende oferecer subsídios consistentes aos participantes, de modo a fazê-los conscientes do processo de escrita, sobretudo quanto à produção da dissertação argumentativa.

 

A quem se destina:

Aos interessados de modo geral, mas, sobretudo, a estudantes de letras, de jornalismo, "vestibulandos" e professores de língua portuguesa. Trata-se, portanto, de um curso voltado àqueles que lidam ou pretendem lidar com a palavra escrita.

 

Quem coordena:

Prof. José Marinho do Nascimento

Professor e amante da língua portuguesa e da literatura brasileira

 

Encontros:

Onde? Os encontros ocorrerão nas dependências da Livraria Alpharrabio (Rua Eduardo Monteiro, 151 – Santo André).

 

 

Datas: às sextas-feiras: dias 12, 19 e 26 de agosto; 16, 23 e 30 de setembro.

Horário: das 15 às 17h.

 

Investimento:

O valor total do curso é de R$ 100,00. Pagamentos: 10/08 – R$ 50,00 e 10/09 – R$ 50,00.

Volta ao topo

13 de agosto - Sábado - 10 horas

 

OBSERVATÓRIO DO POEMA

leituras de texto/contexto contemporâneoo

 

  Observatório do poema [XV]

Coordenação : Tarso de Melo

Décimo quinto encontro do grupo aberto de leitura, que se reúne mensalmente no Alpharrabio para discutir, a partir de um texto crítico ou teórico escolhido previamente, questões importantes para a compreensão da poesia contemporânea. O ensaio em que se concentrará a discussão, desta vez, é “Paris, capital do século XIX”, de Walter Benjamin (em Teoria da literatura em suas fontes, 3.ª ed., v. 2, pp. 689-706, RJ: Civilização Brasileira, 2002), junto a outro ensaio de Benjamin que é de fundamental importância para todo o debate mundial sobre a arte moderna: “A obra de arte na era de sua reprodutibilidade técnica” (traduzido também como “A obra de arte na época de suas técnicas de reprodução”, encontrável numa infinidade de publicações no Brasil e no mundo).

A partir deste encontro, o “Observatório” experimenta mais uma pequena alteração: não será escolhido previamente um poema ou poeta para discutirmos. A escolha dessa parte do material ficará a cargo de cada um dos participantes, segundo o que lhes ocorrer durante a leitura dos ensaios acima sugeridos. Desse modo, imagino que teremos condições de abrir cada vez mais o leque do que conhecemos da poesia contemporânea, com a contribuição das leituras individuais, caseiras, para enriquecer nossas leituras coletivas.

Boas leituras, abraço,  

Tarso.

 

(1) É importante ressaltar que a participação nos encontros do “Observatório do poema” é livre e independente da leitura prévia dos textos selecionados, pois as discussões não são exatamente presas à letra do ensaio, mas apenas partem de suas idéias para avançar na compreensão de questões que interessem a todo leitor de poesia.  

(2) Além do acervo de sebo e de suas próprias edições, a livraria Alpharrabio passa a disponibilizar, mediante encomenda, títulos de diversas editoras de todo o Brasil. Para saber as condições e outros detalhes, entre em contato com a livraria, pessoalmente, por telefone [4438.4358] ou email [alpharrabio@alpharrabio.com.br].

Volta ao topo

 
25 de agosto - quinta - 17 horas

Revivescências”

 

Uma conversa com xilogravurista Jerônimo Soares dá prosseguimento ao ciclo iniciado em março.

Ciclo, do qual participam artistas, escritores e moradores antigos da região como depoentes, tem por finalidade registrar vivências e aspectos da cidade pela ótica de seus moradores. Uma cartografia da memória que deverá ser gravada e posteriormente publicada em cadernos. 

 


Jerônimo Soares começou a fazer xilo na Paraíba, aos 12 anos influenciado pelo seu pai o poeta-repórter José Soares. Em 1972 veio para para São Paulo e mora há 13 anos em Diadema.

As obras de Jeronimo já figuraram em várias exposições – até no exterior –, ilustram capas de livros, CDs e folhetos de cordel. 

Jorge Amado escreveu em 1977 que "Jeronimo Soares é um dos mais notáveis gravadores populares do Brasil. Suas madeiras para capas de folhetos de cordel são de real beleza, poderosas e poéticas".

Em 2004 o Núcleo de Cordel de Diadema organizou no centro cultural Canhema a sua primeira exposição individual Jerônimo Soares – Um Gravador Popular. Foi também publicado um catálogo da exposição, editado por Ricardo Amadasi.

 

Volta ao topo

27 de agosto - (sábado) 17h

 

 

ALPHARRABIO APRESENTA:

grandes autores, leitores à altura

 

Em quatro encontros, grandes autores brasileiros terão seus perfis apresentados por leitores especialíssimos, com sua apresentação crítica, acompanhada de informações biográficas e da leitura comentada de trechos de suas obras. O Alpharrabio oferece ao público a oportunidade de encontrar com a arte desses escritores iluminada pela atenção de críticos que não se cansam de percorrer as páginas com que eles conquistaram a central importância que têm em nossa literatura

 

 

 

João Cabral de Melo Neto 

por João Alexandre Barbosa

João Cabral de Melo Neto (1920-1999) é autor , entre outros, de Pedra do sono (1942), O engenheiro (1945), O cão sem plumas (1950), A educação pela pedra (1966), Auto do Frade (1984) e Agrestes (1985).

O pernambucano João Alexandre Barbosa, nascido em 1937, professor aposentado de teoria literária e literatura comparada na Universidade de São Paulo (USP), é um dos maiores críticos literários brasileiros. Entre suas obras mais recentes estão Alguma Crítica (2002) e Mistérios do dicionário (2004). É autor também do volume sobre João Cabral de Melo Neto na coleção FolhaExplica.



 

PRÓXIMOS ENCONTROS

 

setembro, 24

Aluísio de Azevedo e a prosa proletária

por Luiz Ruffato

 

outubro, 29

Murilo Mendes: mundo-enigma, poesia-liberdade

por Eduardo Sterzi

 

novembro, 26

João Antonio e sua armadilha literária

por Rodrigo Lacerda

 

Programação completa - alpharrabioapresenta.pdf

Volta ao topo

 

O Alpharrabio (a livraria e o café)
 funciona no seguinte horário:

segunda/sexta, das 13 às 19h

sábado, das 9h30 às 13h

ATENÇÃO

Nosso endereço:
 Rua Eduardo Monteiro, 151 - Jd. Bela Vista
Santo André - SP - Brasil

Fone: (11) 4438.4358 - e-mail: alpharrabio@alpharrabio.com.br

www.alpharrabio.com.br

 

Visite a Livraria e o Café Alpharrabio

Índice | Livraria | Editora | Centro Cultural | Abecês | Mapa do Site | Envie o seu comentário